---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?


Abelardo Luz: município recebe plano estratégico para o desenvolvimento econômico até 2030

Publicado em 20/12/2019 às 10:01 - Atualizado em 20/12/2019 às 11:15

O município de Abelardo Luz, no Oeste catarinense recebeu oficialmente o Plano Estratégico de Desenvolvimento Econômico (PEDEM) até 2030. O ato aconteceu nesta semana durante solenidade no Centro Comunitário da Igreja Matriz e contou com a presença da comunidade e de autoridades. O documento identifica e planeja eixos para promover o desenvolvimento econômico e a melhoria da qualidade de vida da população.

 

O PEDEM é uma das 35 soluções do Programa Cidade Empreendedora que está sendo desenvolvido pelo Governo Municipal de Abelardo Luz em parceria com o Sebrae/SC, com foco nas demandas de promoção da cultura do empreendedorismo e da inovação. Esta solução tem a finalidade de identificar potencialidades e planejar eixos estratégicos que promovam o desenvolvimento socioeconômico do município para os próximos dez anos, ou seja, ter um plano de ações a curto, médio e longo prazo, projetando Abelardo Luz até o ano 2030.

 

PEDEM

 

A elaboração iniciou no mês de julho deste ano e a partir da visão da sociedade foram identificadas as prioridades dos setores econômicos e estabelecido um plano de ação para fortalecê-las. O documento completo pode ser acessado pelo endereço: sebrae.sc/pedem-abelardoluz.

 

Entre as etapas realizadas estiveram o diagnóstico do município com as percepções sobre o estágio atual do desenvolvimento econômico local; seminário para definição dos eixos estratégicos potencializadores (em que foram eleitos os eixos: turismo, agroindústria e agropecuária); reuniões para construir um plano de ação com foco na potencialização dos eixos com visão de futuro e, por fim, elaboração do documento com sugestões de estratégias e atividades a serem desenvolvidas.

 

Segundo o prefeito Wilamir Domingos Cavassini o trabalho somará com a gestão do município já que a comunidade participou e foi ouvida. “Foram alavancadas ações que serão executadas já em 2020 em curto prazo, assim como, outras ações que demorarão oito, nove anos. É uma sequência e uma ação depende da outra. É muito trabalho e planejamento que dependerá também dos próximos gestores dar continuidade. Com certeza algo novo ainda será acrescentado ao que já foi elaborado”.

 

A gestora do Programa Cidade Empreendedora e Secretária de Indústria, Comércio e Turismo de Abelardo Luz, Fernanda Facco, explicou que o PEDEM é uma das principais soluções do programa. “Se ele for aplicado tenho certeza que será a principal atividade do programa Cidade Empreendedora no município de Abelardo Luz. O plano está mexendo com todos os setores e um exemplo é o Habitar 2019. São gigantescos os potenciais que temos no turismo, na agroindústria e no setor agropecuário. São muitas camadas da sociedade que podem ser envolvidas, contribuindo com a vida das pessoas”.

 

O gerente regional Oeste do Sebrae/SC, Enio Albérto Parmeggiani, relatou que os três eixos receberão uma atenção especial das lideranças e de quem os compõe para que possam conquistar os resultados. “O PEDEM foi construído com as pessoas da comunidade e, especialmente, com representantes dos eixos. Foram amparados pelo Sebrae com números, empregos, movimentação econômica, enfim, uma série de aspectos que foram apresentados para a comunidade para que pudesse estruturar e avaliar sobre esses desafios. O plano deve ser renovado no dia a dia pela percepção da comunidade. É uma espécie de eixo condutor no processo de desenvolvimento. Os desafios estão em perceber as oportunidades que os segmentos podem trazer para que os empreendedores de Abelardo Luz aproveitem e façam deles novos negócios e fortaleçam os que já existem”.

 

EIXO AGROPECUÁRIO:

 

Valor adicionado fiscal do município: 54,9%
Valor: R$ 332.251.738
Número de estabelecimentos IBGE 2017: 1.757
Número de pessoas ocupadas IBGE 2017: 5.443
A visão é consolidar o município como maior celeiro do Estado, produzindo localmente tecnologia de ponta para o setor, garantindo alta qualidade dos produtos produzidos e sustentabilidade da atividade agropecuária.

 

EIXO AGROINDÚSTRIA:


Valor adicionado fiscal do município: 19,9%
Valor: R$ 120.253.161
Empresas ligadas ao eixo: 29
Empregos ligados ao eixo: 1.490
O objetivo é tornar Abelardo Luz um ambiente favorável ao desenvolvimento da agroindústria, oferecendo infraestrutura de qualidade, mão de obra qualificada e ambiente inovador para todo o segmento.

 

EIXO TURISMO:


Valor Adicionado fiscal do município: 0,2%
Valor: R$ 1.469.265
Empresas ligadas ao turismo: 103
Empregos ligados ao turismo: 105
O eixo busca ser um município referência no encantamento aos turistas, através de suas riquezas naturais, infraestrutura e excelência no atendimento.

 

Assessoria Imprensa SEBRAE/MB Comunicação

 


Galeria de Fotos

  • {{galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
  • {{galeriaMultimidia.length + galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
Fechar